RESPIRAÇÃO Aprendam






Pois é, pessoal, mais uma vez, outra vez, vamos falar de respiração.

Vocês sabiam?

Que nossa maneira de respirar pode mudar nossa percepção da vida é um caminho para o autoconhecimento e autocura?

Reparem nas grandes mudanças qualitativas que podem ocorrer em sua vida. Somente através da respiração. É mágico! Uma vez que você respira melhor, que alivia as tensões inconscientes, que você liberta a respiração, começa a se perceber mudando em todas as particularidades e níveis, e se descobre com todas as habilidades mais afinadas.

Quando a respiração é perfeita, todo o resto se equilibra, respirar é vida!

Respirar é mesmo sinônimo de vida, sim; mas a quase totalidade das pessoas prefere ignorar esse fato. E, claro, paga um preço por isso. O resultado dessa conta pode ser visto em qualquer ser humano desse mundo moderno:

Problemas de coluna, pressão alta, enxaquecas crônicas, gastrite, ansiedade, síndrome do pânico, fibromialgia, e tantos outros.

A sua dispersão se transforma em atenção, a insegurança em confiança, os seus medos vão simplesmente se dissipando e você repentinamente encontra entusiasmo para levar a sua vida à frente.

A respiração desbloqueada se torna música para você. E como benefício adicional, como o pulmão envolve o coração, respirar plenamente massageia o coração melhorando a circulação do músculo do coração, evitando e prevenindo todas as doenças relacionadas a ele, ao mesmo tempo em que torna você uma pessoa mais amorosa e emocionalmente alimentada. E sem amor, não há ponte possível entre você e seu criador.

Vou explicar aqui uma prática de Yoga muito simples, fácil e rápido para ser feito diariamente.

Nesta técnica de Yoga, absorvemos energias que são desconhecidas pela maioria dos ocidentais. Mas, vai dar bastante energia, saúde em todos os corpos constitutivos, inspiração e etc...
Encontrará o EQUILÍBRIO em tudo, com esta prática.

Vamos lá...

É o PRÂNÂYÂMA. Mas é pra fazer com Entus + siasmo, hein?

É assim:



NOTA: A Respiração correta deve ser feita em quatro tempos.

IDA (Pingala – termo usado na Cabalah – “Coluna direita da Cabalah” = Positiva)

1. Fechar a narina esquerda com o dedo anular e inspirar com a narina direita;
(Por exemplo: Conte até quatro, inicialmente, mais tarde aumenta esse tempo)

2. Fechar a narina direita e retenha o ar nos pulmões (Ambos os lados estarão fechados)
(Conte até quatro)

3. Soltar o ar pela narina esquerda (A narina direita permanece fechada)
(Conte até quatro)

4. Fechar a narina esquerda e manter os pulmões vazios (Ambos os lados estarão fechados)
(Conte até quatro)
Continue...

VOLTA (Ida – termo usado na Cabalah – “Coluna esquerda da Cabalah” = Negativa)


5. Retirar o anular da narina esquerda e inspirar o ar (Com a narina direita fechada)
(Conte até quatro)

6. Fechar também narina esquerda e reter o ar nos pulmões
(Conte até quatro)

7. Expirar pela narina direita deixando os pulmões vazios
(Conte até quatro)

8. Fechar a narina direita e manter os pulmões vazios (Com a narina esquerda fechada)


INSPIRAR com as duas narinas e EXPIRAR com as duas narinas (O famoso “respire fundo”) – Sushumnâ – conceito da Cabalah, ou melhor, “coluna do meio do Cabalah” = Equilíbrio.

OBS: Repetir esta série por SETE vezes. Em sete etapas ela é infalível.

Assim, com o tempo saberão respirar corretamente. Aproveitem!



Olhem os tipos que se designaram de respirações:


Respiração lenta: acalma, deixa a pessoa pacífica e compreensiva, produz clareza de pensamento. Ajuda a desenvolver uma percepção mais ampla de todos os fenômenos, aprofunda o autoconhecimento e a consciência universal. Diminui o ritmo das atividades biológicas e a temperatura tende a baixar.

Respiração longa: dá poder de concentração e sintoniza a pessoa com o ritmo do universo; traz paciência, calma, tolerância, desenvolve uma visão profunda das coisas e a consciência do aqui e agora. A memória e a visão do futuro tornam-se mais extensas e claras.

Respiração profunda: gera harmonia entre todas as funções do corpo e, com isso, há mais satisfação, estabilidade emocional, confiança e capacidade de expressão. Facilita a meditação e o sentimento amoroso.

Respiração rápida: excita, produzindo um estado mental instável. A pessoa muda de emoções bruscamente e tem reações inesperadas de ataque e defesa; torna-se mais subjetiva e egocêntrica, vê mais os detalhes que o todo, fica mesquinha.

Respiração superficial: gera carência, já que não supre as necessidades orgânicas de oxigênio e isso se reflete no estado mental e emocional. A pessoa fica medrosa, volúvel, insegura, ruim de memória e de intuição. A angústia tem muito a ver com isso.

Respiração curta: é dispersiva, traz impaciência, cria um ritmo irregular; a pessoa muda muito de idéia, tende à intolerância e ao mau humor. Custa-lhe adaptar aos ambientes, vive sempre em conflito e se apega mais aos detalhes que ao todo.

Daí se conclui, sem muito esforço, que uma respiração longa, lenta e profunda pode criar dentro de cada um de nós um oásis particular de harmonia, paz e saúde.




E para quem gosta de CANTAR, uma prática diária da Respiração Abdominal ou Diafragmática:


Um dos pontos mais importantes para se desenvolver um som vigoroso, para se tocar notas mais longas, para obter mais controle na afinação (inclusive nos dai meri and dai kari), e no decay das notas, é a respiração abdominal ou diafragmática.

Veja a figura abaixo:



Se estiver movimentando os ombros durante a inspiração e a expiração, significa que está usando a respiração torácica ou ainda mais curta, a subclavicular...

Experimente o exercício acima reparando em como está respirando.

Procurar se manter consciente disto enquanto toca!!! Um desafio e uma necessidade até o momento em que isto começa a fluir com naturalidade!




E tem mais alguns exercícios de respiração e meditação aqui para vocês:

Chi Kung – Meditação em Pé

A meditação pode ser feita nas posições em pé, sentada, deitada ou em movimento, mas para aqueles que estão se iniciando nessa arte fascinante,  é aconselhável a posição em pé.

A Meditação em Pé é comparativamente segura e traz resultados rápidos. É uma técnica fundamental no Chi Kung Shaolin. Uma boa maneira de iniciá-la é observando o subir e descer do abdome, na medida em que respira.

Apenas fique de pé, com as pernas ligeiramente afastadas. Deixe os braços penderem ao lado do corpo, com os cotovelos e os dedos das mãos esticados e as palmas voltadas para trás.

Feche os olhos delicadamente e faça seu sorriso vir do coração.

Mantenha a mente e o corpo imóveis. Afaste quaisquer pensamentos. Tão logo qualquer pensamento entre em sua mente, expulse-o gentilmente, mas, com firmeza. Você irá entrar em contato com o vazio, que é tão pleno – um estado mental difícil de ser explicado com palavras e que tem de ser experimentado para que possa compreender sua verdade. Sinta a tranquilidade resultante da alegria e da paz interior.

Depois de aproximadamente dez minutos, ou quando estiver satisfeito com a prática, friccione as mãos e coloque-as suavemente sobre os olhos enquanto os abre. Massageie o rosto com delicadeza e, depois, caminho rapidamente cerca de trinta passos para completar o exercício.

Adaptado do livro:
Chi Kung for Health & Vitality (Chi Kung para a Saúde a a Vitalidade), de Wonh Kiew Kit




E outra:

Respiração que tonifica os nervos

De pé, pernas e pés juntos, olhos fechados, mente firme, depois de completa limpeza, inicie um lento puraka, levando os braços estendidos para a frente, com as palmas das mãos para cima, até atingir a linha dos ombros. Nesta altura deverá ter terminado a inspiração e, então, mantendo kumbhaka (retenção), traga as mãos com punhos cerrados aos ombros, flexionando energética e vivamente os braços. Ainda mantendo a retenção, devolva os braços à posição anterior, no entanto use de uma força tal que os faça tremer, como se estivesse vencendo forte resistência. Tendo flexionado e esticado três vezes seguidas os braços, expire lentamente, deixando-os simultaneamente tombarem, enquanto o corpo relaxado flexiona um pouco para frente.

Fonte: trecho extraído do livro "Auto Perfeição com o Hatha Yoga - Hermógenes - Editora Record




******************************************************************
Divulgado pelo espaço Astrologia_autoconhecimento
******************************************************************


 
  



O futuro não precisa mais de revoluções.
O futuro precisa de um novo experimento que ainda não foi tentado.
Embora tenham existido rebeldes há milênios de anos,
eles continuam sozinhos, individuais.
Talvez ainda não fosse a hora deles.
Mas agora não só é hora, como, se não nos apressarmos,
Já não haverá mais tempo.
Ou o ser humano desaparecerá
Ou um novo homem com uma nova visão aparecerá sobre a Terra.
Ele será um rebelde.
Osho

ROMÃ e seus atributos curativos





Dicas Terapêuticas
Os incríveis benefícios terapêuticos da Romã

A romã ou Punica granatum, pertence à família das punicáceas. Nativa e domesticada no Irã (antiga Pérsia) por volta de 2000 A.C., esta fruta foi levada pelos fenícios para o Mediterrâneo de onde se difundiu para as Américas, chegando ao Brasil pelas mãos dos portugueses.

Além de linda, essa fruta tem elevada quantidade de fitoquímicos, com destaque para antocianinas, ácido gálico, catequinas poderosos antioxidantes e além de outros nutrientes, tais como ferro, cálcio, cloro, cromo, cobre, magnésio, manganês, potássio, selênio, sódio, zinco, vitamina C, prolina, valina, metionina, serotonina.



Todas as suas partes (semente, suco, casca, folhas, flores, raízes) são aproveitáveis, isto é possuem propriedades farmacológicas:

• Leve ação estrogênica: torna seu consumo interessante para o climatério.

• Antioxidante: previne doenças cardíacas, tem ação semelhante ao do chá verde, sendo superior ao vinho tinto. Diminui o mau colesterol.

• Antiinflamatória: é indicada para artrite reumatóide, doenças inflamatórias intestinais, e da mucosa oral. Não afeta a função cardiovascular como acontece com alguns medicamentos antiinflamatórios. Também tem ação antibacteriana.

• Anticancerígena: diminui a proliferação e crescimento celulares, previne câncer de próstata, oral, cutâneo, mamário, pulmonar, cólon e leucemia.

• Hipertensão e Aterosclerose: O consumo diário de 50ml de suco de romã diminui a espessura da íntima média, além da redução da pressão arterial e da peroxidação lipídica, ou seja, a oxidação da gordura, gordura oxidada (é este tipo de gordura que entope os vasos).

Já o consumo de 240ml de suco de romã, age na redução da isquemia induzida por estresse.

• Diabetes: Ação hipoglicemiante (extrato da Punica) diminui a glicemia pela inibição da absorção de carboidratos.

• Beleza: A romã é rica em antioxidantes, que combatem os radicais livres, responsáveis pelo envelhecimento precoce, leia-se flacidez cutânea, perda da elasticidade, rugas e manchas.

Aumenta o fator de proteção do filtro solar que você aplica na pele, o ácido elágico potencializa os níveis de glutationa, antioxidante produzido pelo organismo e que protege as células da ação dos raios solares, fonte de radicais livres. Além disso, inibe a proliferação de melanócitos, prevenindo manchas de sol.

Tudo de bom!!!

Como consumir a Romã: Além de consumi-la em saladas de frutas ou como condimento de preparações salgadas, você pode se beneficiar usando-a em chás.

O chá feito com as folhas de romã é usado na medicina contra irritação nos olhos, e o chá produzido com as cascas da fruta, para tratamento, na forma de gargarejo, de infecções de garganta.

Para aproveitar os benefícios da romã você também pode bater no liquidificador a casca, as sementes e a polpa com um pouco de água, coe e beba em seguida.




Atenção: Muito cuidado com a vista quando se aproximar de um pé de Romã. Principalmente, se tiverem galhos secos. Recomenda-se usar um óculos.


**************************************************************************
**************************************************************************
Elaborado e divulgado pelo espaço Astrologia_autoconhecimento
**************************************************************************






O futuro não precisa mais de revoluções.
O futuro precisa de um novo experimento que ainda não foi tentado.
Embora tenham existido rebeldes há milênios de anos,
eles continuam sozinhos, individuais.
Talvez ainda não fosse a hora deles.
Mas agora não só é hora, como, se não nos apressarmos,
Já não haverá mais tempo.
Ou o ser humano desaparecerá
Ou um novo homem com uma nova visão aparecerá sobre a Terra.
Ele será um rebelde.
Osho


Vamos lá pessoal

O AMOR CURA

Followers

Total de visualizações de página

Martha Cibelli. Tecnologia do Blogger.

Quem sou eu

Minha foto

Eterna aprendiz.
AMO Metafísica; livros; gatinhos; músicas e jardinagem. Gosto muito da natureza humana.