Saiba mais sobre DEPRESSÃO



DEPRESSÃO



Você está sofrendo de Depressão??? Conhece alguém que esteja???

É pessoal, quem é que nunca passou pela “noite escura da existência”? Há pessoas por diversas situações que ficam lá. Quem nunca teve ou ouviu falar de alguém que está com depressão? Bem, a princípio posso sugerir aqui um remédio que considero infalível. É a Erva de São João (Encontra-se facilmente nas estradas que vão para Minas Gerais) que possui flores curativas, desde de que colhidas na Lua Cheia, masseradas e misturadas a álcool vegetal, e, cuadas. Depois de prepara-las é mister que se coloque dentro de um vidro escuro (tipo de guaraná pequeno) e enterre, deixando-o enterrado por quatro fases lunares completas. Parece magia, né? E é. Mas, é a magia a serviço do bem comum. Para mim a verdadeira magia.

Bem, mas é necessário humildade para se ter o merecimento de ser curado, quando “afogado em suas emoções negativas”. A pessoa que consegue sair da depressão é um ser muito mais grandioso e ciente de seu interior, porque a depressão o coloca diante de si mesmo, como num espelho. Pois que lidar com as energias interiores, além das exteriores e vencer é, sobretudo, para os mais amorosos e humanitários. E é na mais irrestrita confiança em Deus que você diante da letargia provocada pela depressão, que é um estágio provisório de desequilíbrio, vai se focar.

Atenção! As pessoas que estão atravessando o meio retorno de Urano, a quadratura de Netuno ou Plutão, neste período é muito comum que sintam tais sintomas, mas lembrem-se que é passageiro. Vai passar! Ao invés de se entregarem, aproveitem!


Bem, mas continuando...

Pois é, o que antes era moda, agora nos parece epidemia.
A depressão tem sintomas tanto físicos (insônia, prostração, inanição,...) como mentais (isolamento, desinteresse por tudo,...alguns desenvolvem fobias,...). Os sintomas variam muito de pessoa para pessoa.

Sem falar, que as pessoas acometidas de depressão, costumam ficar prostradas e não querem saber de nada. E para estas, sugiro deixe alguém ler isso aqui e conduzi-las.

Boa sorte!





O perigo desta doença que causa falta de Serotonina no cérebro (hormônio responsável pela alegria, pelo humor), é a tendência suicida. Desencadeando um retrocesso a evolução necessária a todos nós. Qualquer pessoa que pense sobre suicídio está em risco de cometê-lo e deve procurar um médico imediatamente.

Você sabia que a principal causa do suicídio é a depressão?

O mais importante aí é compreender o que é uma depressão. Literalmente significa abaixamento de nível por peso ou pressão.

É assim, somos energia (KI). A alegria e gratidão nos expande. A dor e o inconformismo nos encolhe. Esse encolhimento nos lança na escuridão, na dor, no desespero e desilusão. Parece que não existe luz no fim do túnel, não há força no espírito para prosseguir e assim a pessoa tenta acabar com tudo destruindo a única pessoa que tinha todas as respostas, ou seja, ela mesma. Enfim, começa o processo de auto-destruição.

Por isso se diz que o suicídio é a solução dos fracos, pois está realmente sem força até para lembrar-se que é um deus.

A depressão é um aviso extremo. E outro aviso, e outro,...

Aquele que ignora os avisos vai encolhendo o ki. Desse encolhimento advém uma série de características que preocupam. É realmente terrível assistir alguém que a gente ama mergulhando nesse poço. Porém se o coração for forte e a pessoa conseguir sair sozinha dessa fase, com certeza será um Ser mais grandioso, tamanha a compreensão que teve de tudo que está dentro.

Não precisa coragem para se suicidar, apenas injustiça. Um Ser que não aprendeu a buscar ajustes em seu universo, não consegue se alinhar com as inúmeras soluções, só restando a dor, o desespero e a desilusão.

Viver dentro da mente não é fácil. Se perde muito mais energia tentando manter as coisas desalinhadas do que apenas permitir-se de dentro do coração!

A coragem vem do coração e o desespero vem da mente.

Eterna



Vamos aos possíveis elementos do Pensamento depressivo.

 Pensamentos negativos:

- Eu não cheguei a lugar nenhum;
- Eu não sirvo para nada;
- Eu não sou mais útil;
- Nada me dá alegria de viver;
- Ninguém se importa comigo;
- Eu sou um fracasso na vida;
- Eu não sou importante para ninguém;
- Eu não brilho em esfera nenhuma;
- Ninguém me reconhece de fato;
- Sentir-se desimportante;
- Eu não posso lidar com este problema;...

E por aí vai...

Então, são expectativas altas e irracionais acreditar que somente se pode ser feliz se for amado, respeitado, reconhecido, e etc... Você é humano! E tem seus equívocos como qualquer um. Quem quiser e tiver que gostar de você vai gostar e quem não quiser ou não tiver que gostar, vá em frente.

E mais ainda, às vezes são causadas pelos outros, na medida em que nos deixamos influenciar... Saiba como abaixo:


- Rejeição;
- Desprezo;
- Falta de cuidados;
- Ausência;
- Maus tratos;
- Críticas exacerbadas;
- Injustiça;...


Seja pouco, mas seja você! Se ame! Se baste! Aceite os outros com seus compromissos, falta de tempo, indiferença, interesses pessoais,...enfim, é uma gama de características das pessoas da atualidade. Que de forma alguma são frias, mas que se mostram dessa maneira por acreditarem que precisam TER. Correndo sempre atrás do mundo material. As pessoas não se tocam que deveriam dar uma pausa para manifestar o AMOR ao próximo e para tratar do corpo espiritual...

Outras características do deprimido:

 - Em geral erros de julgamento;
 - Aceitação dos malefícios alheios;
 - Tirar conclusões negativas e pessimistas das situações cotidianas;
 - Focalizar detalhes negativos de uma situação e ignorar os aspectos positivos.
 - Chegar a conclusões gerais baseando-se parcialmente numa situação;
 - Chegar à conclusão de que você é culpado por coisas que não têm nada a ver com você;...e mesmo  que seja o culpado, focar-se nisso desmedidamente;
 - Ficar decepcionado com alguém por algo que somente fazia parte de suas expectativas;
 - A pessoa carrega o mundo nas costas e espera o troco à altura. Mas seus padrões são elevados demais;
 - A pessoa espera demais dos que estão a sua volta e se decepciona e literalmente se encolhe;...


Também existem outros fatores que propiciam a depressão:

Fatores que o tornam predisposto à depressão.

 - Genes (segundo alguns estudos é genético)
 - Personalidade (Principalmente quando o ego é muito elevado)
 - Padrões de pensamento (Padrões negativos)
 - Controle limitado sobre seu destino (Falta de aceitação e/ou resignação)
 - Stress e acontecimentos da vida (Mortes, perdas, traições,...)
 - Meio familiar (Família problemática psicológica e espiritualmente);
 - Sexo (A falta de sexo para alguns)
 - Distúrbios físicos (Doenças tais como da tiroide, é um exemplo)
 - Falta de luz solar (Pegue Sol um pouquinho diariamente)

 Os 10 acontecimentos mais estressantes na vida

 Morte de um cônjuge, pai, mãe, filho ou um amigo muito dedicado
 Divórcio (a não-aceitação definitiva da separação)
 Separação conjugal
 Aprisionamento
 Perda de promoção no trabalho;
 Lesões ou doenças
 Casamento
 Perda de emprego (ou aposentadoria)
 Reconciliação conjugal
 Desilusões em geral.



 Doenças relacionadas com a Depressão

> Acromegalia
> Abcessos cerebrais
> Bebidas alcoólicas (Vícios em geral difíceis de se livrar)
> Deficiência de vitaminas
> Demência (Alzaimer)
> Diabetes
> Doença de Addison
> Doença de Parkinson
> Doenças viróticas (inclusive gripe)
> Encefalite
> Esclerose múltipla
> Hemorragia cerebral
> Hiperparatireoidismo
> Lesões na cabeça
> Meningite
> Problemas no coração
> Problemas de equilíbrio hidro-eletrolíco
> Problemas na Tiróide
> Síndrome de Cushing
> Tuberculose
> Tumores cerebrais

Medicamentos que podem causar a Depressão
Como conseguir uma boa noite de sono

> Comprimidos antiepiléticos
> Medicamentos contra a pressão alta
> Pílulas anticoncepcionais
> Digitalina
> Diuréticos
> Os principais tranqüilizantes
> Terapia por esteróides (para asma, artrite etc)


Medicina Alternativa

Muitas pessoas com depressão voltam-se a formas alternativas de terapia, sendo que algumas delas mostram-se eficazes. Teste e veja em qual você se dá bem.

° Acupuntura (e as demais chinesas)
° Hipnose
° Yoga
° Cromoterapia
° Fitoterapia
° Homeopatia
° Florais de Bach






Além disso, tem uma postura muito útil e necessária, bem como um trabalho intenso para o estímulo do Nervo Vago (http://pt.wikipedia.org/wiki/Nervo_vago). Existem Escolas de Yoga que fazem muito bem este trabalho. Inclusive, uma amiga do facebook, nesta semana me enviou um lindo email que fala disso... Aí está:


Bondade

E a vida se nutre e se alegra através da bondade, a vida é uma dádiva constante, tudo vem apenas como acréscimo, cada momento, cada experiência, cada dia, cada tempo.

Como é bom andar tranquilo, ser correspondido, ser recebido sempre com um sorriso. Quando tudo vem fácil, quando as pessoas são simpáticas, educadas, amáveis. Tudo fluindo melhor, com carinho, delicadeza, elegância e leveza. Quando se pode escolher sempre o caminho mais leve, sem carregar nenhum peso.  Integridade e humanidade. É possível passar com os passos leves e soltos. Dessa forma, se aceita brandamente o convite para estar aqui. E assim, valorizando o seu tempo, não questionando do porque dos acontecimentos. Felizes são os que vivem com boa vontade, tendo a fé incondicional em Deus, zelando e orando para o bem estar geral e irrestrito.

Delicadeza e doçura ...

Melhore a sua postura e estimule o seu nervo vago...


Esses estudos investigam o poder da emoção humana inata, afirmando que o nervo vago, que é um feixe neural que se origina no topo da espinha dorsal, tem conexões com os receptores para a oxitocina,  neurotransmissor relacionado aos laços maternais, capacidade de vinculação e relações afetivas mais duradouras. As pesquisas descobriram que a ativação dessa região está associada aos sentimentos de cuidado e intuição humanas e  estimula o desenvolvimento de sentimentos como compaixão, gratidão, amor e felicidade.

Leia mais aqui!


Gostou.... agende uma aula experimental!


Namastê!
Visite
www.yatnamarayoga.blogspot.com
Mara
Fone: (19) 9102-7473
Rua Cristina Von Zuben Amstalden, 49
Vila Brizola Indaiatuba_SP



Enfim, pessoal, a Erva de São João e este exercício de Yoga, ambos são procedimentos ensinados com muito amor e vontade de cura-los. Aproveitem!



Foto obtida de um deprimido com a Máquina Kirlian



Esta foto mostra uma pessoa com bloqueios severos no chakra coronário, sofrendo distúrbios energéticos seríssimos. Perceba a predominância da cor azul, o que mostra desequilíbrio yin, ou seja, pessoa letárgica, desanimada, deprimida, sem vontade de viver. Nota-se também uma grande quantidade de estrias brancas no halo energético, o que denota uma severa intoxicação. No caso deste rapaz tratava-se de bebidas alcoólicas, comidas indevidas, e cigarro. Percebe-se também um tipo de paranormalidade subjetiva ou seja na parte baixa do halo energético, tratando-se muito provavelmente de sensitivo em potencial, ainda não desenvolvido. As bolinhas brancas na parte baixa do halo, significam perda de energia através de drenagem energética, e envolvimento com energias de outras pessoas. Ainda do lado direito do halo energético percebe-se uma espécie de coqueiro energético, mostrando que esta pessoa está desenvolvendo ou já esta com algum processo inflamatório muito grande. Ainda nos "coqueirinhos energéticos" podemos notar buracos no halo, o que denota bloqueios nos chakras. Podemos também constatar, na parte baixa do halo, uma cor vermelha muito escura, mostrando sentimentos de raiva, revolta, e  sexualidade desequilibrada.  Diagnóstico energético: Uma pessoa muito estressada, com sérios problemas emocionais, sendo duramente castigada pela  drenagem  energética, e apresentando um estado de desequilíbrio físico mental e também espiritual. Problemas sérios na cabeça, inclusive sendo recomenda a avaliação de um neurologista.

Recomendações de tratamentos:

1-Relaxamento diário
2-Meditação diária, para equilibrar energia do chákra coronário
2-Ginseng Panax(ativa a energia yang, combatendo a  letargia)
3-Acompanhamento psicológico.
4-Sessões de Reiki para desbloquear os chákras, e protege-los da drenagem energética.
5-Encaminhamento á um clinico geral, e também a um neurologista, para exames.
6-leitura edificante
7-Caminhadas diárias.




Como aumentar a Serotonina do cérebro sem drogas


A serotonina é uma das principais substâncias químicas presentes em nosso cérebro. Sabemos hoje que ela tem um papel importante na regulação do humor e por isso o tratamento farmacológico para a depressão e outros transtornos psicológicos costuma envolver modificar os níveis serotoninérgicos.

Mas não seria melhor para nós prevenir a depressão do que esperar chegar ao fundo do poço para começar um tratamento? Enquanto não temos vacinas ou medicamentos preventivos, existem algumas atividades que parecem aumentar os níveis de serotonina no nosso cérebro:

    Pensar positivo - Estudos estão sendo feitos para verificar como nossos pensamentos influenciam o metabolismo do nosso cérebro. No entanto, não é novidade que a psicoterapia, por exemplo, pode alterar este metabolismo. Tente ver o lado bom das coisas (e pessoas) ao seu redor e não focar somente nos problemas.

    Sair de casa - Se expor à luz do sol pode fazer nosso corpo produzir mais serotonina. Curiosamente, em análises post mortem, os níveis de serotonina de pessoas que morreram no verão costumam ser maiores dos que os que morreram no inverno. Sair de casa também acaba sendo uma boa oportunidade para se engajar em novas atividades e conhecer mais pessoas.

    Praticar exercícios físicos - Sabe-se que praticar exercícios regularmente tem um efeito antidepressivo e ansiolítico. Os melhores resultados são vistos quando a pessoa está acostumada a fazer exercícios aeróbicos, ou seja, os resultados não vêm da noite para o dia.

    Mudar sua dieta - Algumas substâncias podem melhorar o nosso humor no dia-a-dia, como o triptofano e a α-Lactoalbumina (presente no leite). Além disso, uma boa alimentação poderá te fazer se sentir melhor e melhorar a autoestima.


Essas dicas não são novas, mas acho legal ver um artigo sério demonstrando estas afirmações através de referências científicas. Costumo sempre dizer que nenhum comportamento vem “do nada”, portanto, se a pessoa está deprimida ou simplesmente um pouco triste, é importante rever os aspectos do seu dia-a-dia para encontrar as fontes dessa tristeza. Ninguém consegue mudar o que sente sem mudar o que faz.


Research Blogging.org Young SN (2007). How to increase serotonin in the human brain without drugs. Journal of psychiatry & neuroscience : JPN, 32 (6), 394-9 PMID: 18043762




Três truques para estimular a Serotonina e melhorar o bom humor

A serotonina é um neurotransmissor que melhora o humor, embala o sono e alivia a dor. Aprenda então a melhorar os níveis dele no organismo e viva melhor!


1. Masque chiclete

Exercícios físicos são antidepressivos conhecidos, mas não precisam fazer você suar. O ato de se distrair com uma goma de mascar na boca já é o suficiente para estimular a serotonina, reduzir a fome e relaxar, diz a pesquisadora americana Carol Hart no livro "Segredos da Serotonina" (editora Cultrix).

2. Ouça música

Além de elevar a serotonina, ouvir música reduz os níveis de cortisol, hormônio do stress. Sons lentos diminuem a frequência cardíaca e atuam como calmantes naturais. Batidas aceleradas funcionam para liberar a tensão cantando e dançando.

3. Tome sol

Você fica sonolenta, o pique cai e a vontade de comer aumenta no inverno? Culpa da falta de luz solar, que eleva naturalmente a produção de serotonina. Procure tomar cerca de 15 minutos de sol diariamente durante a estação.





A Falta da substância "Serotonina" no cérebro é a principal causa de uma depressão e ansiedade?

A pessoa que tenha a quantidade de serotonina no cérebro menor que o normal? Só com medicamentos é que a mesma poderá atingir no cérebro o nível necessário para se ter uma vida normal? Ou há outro tipo de tratamento?
   
Serotonina abaixo do normal desregula as sinapses, que pode gerar depressão e outros transtornos: TOC, Alimentares, TPM e outros. Também desregulação de dopamina e noradrenalina podem desencadear depressão.

Ansiedade é mais ligada a noraepinefrina, adrenalina, distúrbios de stress, glândulas supra-renais, cortisol alto, desregulação do GABA, e outras possíveis causas.

Mas não só a neuroquímica pode ocasionar depressão, também o cérebro funciona com voltagens elétricas, além dos neurotransmissores, hormônios, peptídeos e outros.


Em geral, os indivíduos deprimidos têm níveis baixos de serotonina no sistema nervoso central. Neste caso, deve se administrar inibidores da recaptação de serotonina pelos neurônios, como no caso de medicamentos à base de fluoxetina, ocasionando numa maior disponibilidade do deste neurotransmissor na fenda sinaptica. Um certo número de alimentos, como bananas, tomates... são ricos no precursor da serotonina, o triptofano.

A deficiência de serotonina é uma das causas de depressao sim, porém não é a única, se for essa a causa o uso de medicamentos irão ajudar a controlar o problema e até levar a uma cura, mas se o problema for emocional ai tem que fazer terapia junto!

Pra ansiedade ioga é maravilhoso!


A falta da serotonina é uma das principais causas, mas não a única da depressão. Se a depressão for leve e de causas exógenas (problemas de stress, mudanças repentinas na vida, perda de um ente querido ou fim de um casamento, por exemplo), ela pode ser tratada com psicoterapia e exercícios.

Mas a depressão severa e de causas endógenas (tudo está bem na vida da pessoa e mesmo assim ela fica deprimida) - então deve ser tratada com medicamentos, indicados por um bom psiquiatra, e acompanhada de psicoterapia. As vezes é preciso tentar vários antidepressivos até encontrar um que seja eficaz para o paciente, pois ainda não há nenhum exame para diagnosticar qual neurotransmissor está em desequilíbrio no cérebro da pessoa.

Se nada disso der certo, pode ser tentada a eletroconvulsonoterapia, mas apenas com aval de uma junta médica, com anuência do paciente e feita com controle rigoroso. A eletroconvulsonoterapia costuma ser muito eficaz na depressão persistente mas tem efeitos colaterais muito incômodos, sendo o principal deles a deficiência da memória por um período de seis meses à um ano.

Depressão é doença muito séria, incapacitante e pode levar à morte, por isso deve ser tratada o quanto antes.


Dependendo do grau de comprometimento da psique em que esteja a depressão, deverá tomar medicação.
A terapia com um Analista é a primeira coisa que a pessoa deve tentar. Se não houver resultados satisfatórios, o próprio médico vai prescrever o medicamento necessário.

Cada caso é um caso!


Não, digo que no geral é uma falta de vitaminas no cérebro e por causa de vários fatores ela desencadeia!!

Note esse artigo ele visa os adolescentes, mas serve como base para todos!!

*** g01 8/9 pp. 8-9 Quais são as causas? ***

Quais são as causas?

"Em geral, a depressão de adolescentes não é causada por um único fator, mas por uma combinação de coisas estressantes." - Dra. Kathleen McCoy.

O QUE causa a depressão em adolescentes? Vários fatores podem estar envolvidos. As mudanças físicas e emocionais resultantes da puberdade podem deixar os jovens inseguros e com medo, o que os torna especialmente suscetíveis a pensamentos negativos. Também, é comum que os adolescentes fiquem mais vulneráveis a emoções negativas quando são rejeitados pelos colegas ou pela pessoa por quem nutriam sentimentos românticos. Além disso, como mencionado no artigo inicial, os adolescentes hoje crescem num mundo deprimente. De fato, vivemos em "tempos críticos, difíceis de manejar".


Algo que agrava o problema é que os jovens estão enfrentando as pressões da vida pela primeira vez e não têm nem a habilidade nem a experiência dos adultos. De modo que muitas vezes eles se sentem como turistas em uma terra desconhecida: assustados com o que os rodeia e, em muitos casos, sem vontade de pedir ajuda. Essas condições podem preparar o terreno para que germinem as sementes da depressão.

Mas há muitos outros fatores que contribuem para a depressão de adolescentes. Vejamos alguns deles.

Depressão e perda

Às vezes, a depressão surge em resultado de uma grande perda: talvez a morte de uma pessoa querida ou ficar separado de um dos pais devido ao divórcio. Até a morte de um bichinho de estimação pode fazer o adolescente mergulhar no desespero.

Há também tipos menos evidentes de perda. Por exemplo, mudar-se para outro lugar significa deixar para trás um ambiente conhecido e amigos queridos. Até mesmo atingir um objetivo há muito aguardado - como se formar na escola - pode levar o jovem a ter sentimentos de perda. Afinal, ao iniciar uma nova fase na vida a pessoa perde o conforto e a segurança do passado. Há também jovens que têm de suportar uma doença crônica. Nessas circunstâncias, a dor de ser diferente dos colegas - e talvez até ser ignorado por eles - pode fazer o adolescente se sentir anormal.

É verdade que muitos jovens enfrentam essas perdas sem serem totalmente dominados por elas. Ficam tristes, choram, se lamentam, ficam aflitos, mas com o tempo se adaptam às circunstâncias. Por que, então, ao passo que a maioria dos adolescentes suporta as pressões da vida e se adapta a elas, outros sucumbem à depressão? Não é fácil encontrar a resposta, pois a depressão é uma doença complexa. Mas parece que alguns adolescentes são mais vulneráveis.

O fator bioquímico

Muitos profissionais da área de saúde acham que um desequilíbrio bioquímico no cérebro tem um papel destacado na depressão. Tudo indica que esse desequilíbrio é transmitido geneticamente, pois os pesquisadores descobriram que, quando um dos pais sofre de depressão, o adolescente tem mais probabilidade de também ter a doença. "Na maioria dos casos, pelo menos um dos pais de crianças deprimidas também sofre de depressão", diz o livro Lonely, Sad and Angry (Solitário, Triste e Furioso).

Isso levanta a questão: Será que as crianças realmente herdam a depressão ou apenas aprendem a ser deprimidas ao conviver com pais deprimidos? A culpa é da genética ou do ambiente? É difícil responder a essa questão polêmica, porque o cérebro e os muitos fatores que podem contribuir para a depressão de adolescentes são incrivelmente complexos.

Depressão e ambiente familiar

A depressão tem sido chamada de questão familiar e com boas razões. Como já mencionado, talvez haja um componente genético que faz com que uma geração após outra seja propensa à depressão. Mas o ambiente familiar também pode influir. "Quando os pais maltratam os filhos, estes correm mais risco de ter depressão", escreve o Dr. Mark S. Gold. "O mesmo acontece com crianças cujos pais são excessivamente críticos ou que se concentram nas fraquezas dos filhos." Pais superprotetores ou que "sufocam" os filhos também podem contribuir para a depressão. Há, porém, um fato interessante: uma pesquisadora descobriu que as crianças são ainda mais propensas à depressão quando os pais simplesmente não mostram interesse nelas.

Isso não significa, porém, que todos os adolescentes deprimidos sejam vítimas de pais incapazes. Uma afirmação arbitrária como essa não levaria em conta os muitos outros fatores que podem contribuir para o problema. Contudo, em alguns casos o ambiente familiar é um aspecto importante da questão. "Crianças em lares em que há constante tensão entre os pais correm mais riscos de ter depressão do que as que vivem em ambientes menos atribulados", escreve o Dr. David G. Fassler. "Uma razão é que os pais que vivem brigando ficam tão envolvidos em suas disputas que negligenciam as necessidades dos filhos. Outra, é que os pais muitas vezes tornam os filhos o centro de suas desavenças, fazendo os jovens se sentirem culpados, furiosos e ressentidos."

Esses são apenas alguns dos fatores que podem contribuir para a depressão de adolescentes. Existem outros. Por exemplo, alguns especialistas afirmam que fatores ambientais (desnutrição, toxinas e uso de drogas ou álcool) podem levar à depressão. Outros indicam certos medicamentos (alguns anti-histamínicos e tranquilizantes) como possíveis fatores. Parece também que crianças com deficiências de aprendizado são especialmente propensas à depressão. Isso se dá, possivelmente, porque sua auto-estima tende a diminuir quando percebem que não conseguem acompanhar os colegas de classe.

Não importa qual seja a causa, porém, é vital analisar a questão: Como ajudar os adolescentes deprimidos?



Alguns suspeitam que, embora muitas vítimas já nasçam com o desequilíbrio, outras nascem saudáveis, mas se tornam mais suscetíveis à depressão quando um evento traumático altera a química do cérebro.

Tensões familiares muitas vezes servem de catalisadores para a depressão.


Olhe, para a classe médica sim... Mas para a Doutrina Espírita a depressão é uma doença provocada por uma influênciação espíritual (isto é, provocada por espíritos "obssessores" que ficam influênciando insistentemente a pessoa com pensamentos negativos e destrutivos e assim acabam por fazer com que a pessoa caia num estado psicológico de pessimismo e de tristeza às vêzes crônico)... Para a Doutrina Espírita um tratamento espíritual sério com "passes" dados por um ou por alguns médiuns espíritas kardecistas curam totalmente a depressão afastando o(s) espírito(s) obssessor(es)... Mas eu acho que o melhor remédio para a depressão é a oração que deve ser realizada com humildade, com muita fé e com muita sinceridade... Acaba com toda e qualquer depressão. Um remédio fitoterápico ótimo para depressão é o Hipericum Perforatum 300 mg (uma cápsula por dia às 08:00 horas)... Eu tomei e achei ótimo... Não têm nenhuma contra indicação (somente não se deve tomar muito sol). Comprei numa farmácia (manipulado) 60 cápsulas por R$16,00. Muito bom.
   


Oração para os Deprimidos


Se esta dor é o quinhão que me compete,
permita que eu possa suportá-la, abraçando amorosamente
esta estranha cruz.
Quando eu estiver em crise,
conforta o meu coração...
Quando mãos de aço invisíveis apertarem minha garganta,
venha em meu auxílio e conceda-me
a dádiva de lágrimas libertadoras...
Quando a escuridão se fizer  presente
e de breu se travestir a minha vida,
que haja uma réstia de luz,
esperança e consolação,
brilhando no fundo do poço...
Quando tudo tiver perdido o sentido
e eu me encontrar prostrado e abatido,
desejando apenas morrer,
que um Anjo Seu venha me falar de vida,
de novas oportunidades e de melhores circunstâncias.
Quando a aridez for tanta,
que eu me torne incapaz de dar um sorriso para um filho meu,
ou para quem quer que seja,
eleva-me à majestade do Seu reino
e banha-me nas águas da Sua redenção benfazeja...
Quando eu estiver paralisado de terror
face aos monstros incompreensíveis do pânico,
da culpa, da letargia, da fobia, do isolamento,
do ódio auto-direcionado, faça-me lembrar de imediato,
que o Seu amor se coloca acima de todos estes algozes ilusórios,
filhos do meu transitório desequilíbrio,
e que eu possa nesta hora,
 abandonar-me em Seus braços na mais irrestrita confiança.
 Permita Senhor,
que esta dor não me coloque à margem da vida.
Antes, que eu aprenda com ela e que dela,
eu seja capaz de arrancar o meu aprimoramento...
Quando Senhor, a dor se agigantar de tal sorte,
que estando eu vivo, eu estampe a própria morte,
com os pensamentos e sentimentos em convulsão,
 incapacitado de balbuciar a mais simples oração,
assuma nesta hora o comando da minha embarcação
e sem que eu perceba, conduza-me a um porto seguro
de luz e salvação...
E, se um dia Senhor,
eu porventura estiver curado e reabilitado,
livre-me de eu me tornar esquecido.
Que eu possa amorosamente abrir meu coração,
 estender as minhas mãos,
ir ao encontro e levar a consolação
aos meus outros irmãos deprimidos.


Texto: Fátima Irene Pinto
Do livro: “Momentos Catárticos”



Finalizo dizendo, que cada um tem o que merece, seja para sua evolução ou para qualquer outro intuito. Por isso é que sugiro que sejam cada vez melhores como ser humano. Sempre certo de suas atitudes. E principalmente, em pensamentos, sentimentos, palavras e atitudes o máximo positivos que puderem, assim farão por merecer a Cura Divina.


Alguns sites sobre Depressão:





**************************************************************************
Elaborado e divulgado pelo espaço Astrologia_autoconhecimento
**************************************************************************


O futuro não precisa mais de revoluções.
O futuro precisa de um novo experimento que ainda não foi tentado.
Embora tenham existido rebeldes há milênios de anos,
eles continuam sozinhos, individuais.
Talvez ainda não fosse a hora deles.
Mas agora não só é hora, como, se não nos apressarmos,
Já não haverá mais tempo.
Ou o ser humano desaparecerá
Ou um novo homem com uma nova visão aparecerá sobre a Terra.
Ele será um rebelde.
Osho


0 comentários:

Postar um comentário

Vamos lá pessoal

O AMOR CURA

Followers

Total de visualizações de página

Martha Cibelli. Tecnologia do Blogger.

Quem sou eu

Minha foto

Eterna aprendiz.
AMO Metafísica; livros; gatinhos; músicas e jardinagem. Gosto muito da natureza humana.